Fotografar

A primeira palestra foi da americana Beth Jansen. Show! Cheia de estilo!
Sabe quando tudo é uma coisa só? O estilo de vestir, as cores, a fotografia, tratamento de imagens, maneira de falar? Essa é a Beth! Saia, cinto laranja, blusa rosa e sapato roxo. Explosão de cores!

Depois teve um intervalo bem grandinho (demais pro meu gosto) e voltou só às 15h, com Manoel Guimarães – A máquina (rss)
A palestra dele foi bem técnica. Foco em estúdio, iluminação, direção e como ele “administra” um estúdio grande como o dele, com grande fluxo de trabalho…

Studio Sensação – Cardoso fotografia – aqui de pertinho, Indaial – SC. Falaram sobre cenários infantis. Mas muito interessante, porque falaram sobre a dificuldade de se fazer um bom trabalho no interior e ser reconhecido (porque interior sempre tem aquela mentalidade de que tudo que é de fora, é sempre melhor).

Depois das meninas de Indaial foi a vez da Erika Verginelli. “A” fotógrafa!!! Eu estava muito ansiosa por essa palestra, porque foi a Erika que despertou minha paixão adormecida pela fotografia. Conheci o trabalho dela, há alguns anos, em 2009 – se não me engano. Quando na época, eu fazia scrapbooking digital e no Scrapblog teve uma entrevista com ela. Pronto! Ali foi plantada a sementinha de um sonho…
A palestra da Erika foi voltada para branding e marketing, área que ela domina. Como fazer para encontrar o seu estilo, acreditar nele, seguir e “amarrar” tudo isso com uma estratégia de marketing consistente. Perfeito!

Em seguida, foi a vez de Pepê Figueroa. Ele faz vídeos para casamento (basicamente), com DSLR. Eu imaginava ele bem mais velho (rss), mas é um “gurizão” muito divertido. Não vi a palestra toda, porque saimos para dar uma tietada 🙂

Na volta: Drica Lobo! Pura emoção. Nó na garganta de ouvir ela falar. Emoção, carinho, a felicidade em trabalhar com crianças… A palestra da Drica foi mais voltada para o lado “psicológico” no tratamento com crianças, sua história (linda), trabalhos em revistas e editoriais importantes.

A última palestra era da Fernanda Petelinkar, que eu estava MUITO ansiosa pra ver, também. MAS, como reclamei lá no início do texto, com um intervalo de TRÊS HORAS, não deu =(((((((
Espero que a FHOX libere o vídeo, pelo menos pra quem pagou pelo congresso, né?!

Foi um dia incrível! Primeiro evento de fotografia que eu participo, encontrei pessoas que eu super admiro. Aquele mundo que eu amo, que quero pra mim… Ali!
Esse congresso só serviu pra me deixar mais apaixonada e ter ainda mais certeza que do caminho que eu estou fazendo.

Sim, é fotografia o que eu quero pra mim!

É isso que eu gosto, me deixa feliz e sem falsa modéstia, acho que levo um certo jeito pra coisa. (Levo?)

______________________________

Quem estiver interessado, deem uma olhadinha nos blogs dos palestrantes, a maioria está disponibilizando os slides de suas apresentações. Vale a pena.

Anúncios

4 pensamentos sobre “Fotografar

  1. Claro que voce leva jeito pra coisa, Ca! E, olha, nao sabia que foi a entrevista no SB que te apresentou a Erika! Que legal. Eu trabalhei com ela ha muito tempo, sabia? 🙂

  2. Põe jeito nisso! Seu modelo exclusivo tem boa parte do mérito da mamãe, não é? Parabéns! Sucesso na carreira de fotógrafa!

  3. Se leva jeito? será? será?

    ***
    Carinaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa , PELO AMOR DE DEUS !!! Vc é um talento!!!! Dá banho em várias pessoas que se intitulam fotografas por aí.. mergulhe fundo, esse é seu DOM!

Os comentários estão desativados.